Muita História para Contar – Vanda e Marcelo

Publicado em: 7 de março de 2018


Vanda e Marcelo: Somos Marcelo e Vanda,  estamos aqui para fazer uma partilha a respeito da nossa vida como família e como membros da Comunidade Sacramento de Amor. Estamos casados há 30 anos. Temos uma filha biológica, a Sabrina, que mora em Divinópolis, temos 2 netos e temos 2 crianças que nós adotamos, o Leonardo e a Beatriz.

Vanda: Conhecemos a Comunidade em 2002, onde nós tivemos um despertar para mudança de vida.  Chamava-me muito a atenção uma placa da Casa Sacramento de Amor, na época no bairro Esplanada. Nessa placa tinha a palavra fundante da Comunidade Sacramento de Amor: “Tudo que fizerdes a um dos meus pequeninos e a mim que o fareis”. Um dia, tive curiosidade de bater à porta. Fui atendida pelo Carlos Henrique. Falei que não sabia trabalhar com crianças, mas queria fazer alguma coisa por Deus! Ele logo me explicou que o trabalho com os “pequeninos” não eram as crianças e, sim, os irmãos de rua e me contou como acontecia aquele trabalho. Eu não sabia fazer nada, mas, senti em meu coração uma vontade muito grande de estar ali e ajudar! No outro dia, de manhã, já fui para lá e, eu não sei explicar, mas não tinha receio de estar no meio deles, nada me incomodou. Cheguei e comecei a trabalhar. Foram vários dias ajudando a fazer a sopa, convivendo com eles. Isso foi tomando conta do meu coração!

Marcelo: É difícil separar os momentos mais importantes nessa caminhada. São vários anos, vários momentos que nós vivenciamos. Mas, para mim, existem três momentos muito significativos que passamos dentro da Comunidade.

Primeiro, quando demos nosso “sim” e entramos para a Comunidade, em 2003. Foi o primeiro desapego nosso, o desapego do mundo. Depois, em 2008, quando nós entramos para a Comunidade de Vida, onde vivemos o desapego dos bens materiais. E quando decidimos vir para Marabá, tivemos que viver o desapego dos bens sentimentais, que está sendo o mais difícil. Desapegar da família, dos amigos.

Vanda: Nosso Senhor nos formou. Nós tivemos um tempo vivendo diretamente com Eduardo, nosso pai fundador, e com nossos irmãos de comunidade, vivemos isso intensamente durante oito anos. Doamo-nos totalmente para viver o Carisma! Até que nós fomos enviados para São João de Cima, vivemos um período lá. Foi um tempo muito sofrido, porque foi a primeira vez que nos afastamos da Comunidade. Lá nós fomos formados e lapidados por Jesus e não sabíamos o que vinha pela frente. Sentimos um grande chamado de ir para Marabá, no Pará. Foi um momento muito difícil, tivemos que deixar família, Comunidade, os amigos. Então, na realidade de Marabá, passou a existir a Comunidade Sacramento de Amor, por vontade de Deus, não por vontade nossa!

Marcelo: Um fato que marcou muito nossa vida foi a entrada do Leozinho. Nós já fazíamos parte da Comunidade e a gente tinha só a Sabrina. Estávamos tentando engravidar, mas, não conseguimos. Tentamos alguns tratamentos, tentamos a adoção, mas, infelizmente encontramos um sistema extremamente burocrático e desistimos. Pensávamos que se fosse vontade de Deus, Ele iria prover! Por volta de 2005, o João Bruno, que era um amigo da Comunidade nos convidou para ir em Água Limpa. Ele tinha alguns parentes lá e ele conhecia uma criança que tinha uma história de vida muito triste, muito penosa.

Ele nos convidou para conhecer a família dessa criança. Fomos pegos de surpresa e nos comovemos muito com a situação da família do Léo! A mãe dele não o deixava ficar com ninguém e, nesse dia, ela deixou-o vir conosco. Desde então, não nos separamos mais! O Leozinho é uma benção que Deus colocou em nossas vidas e temos aprendido cada dia mais com ele.

Vanda: Quando nós viemos para Marabá foi que percebemos quão grande é o Carisma Sacramento de Amor! O Mover do Carisma passou a fazer parte da gente. Nossa alma está marcada e selada, mas não tínhamos consciência disso. Lembro-me do primeiro atendimento que tive com o Bispo… Foi a palavra dele para nós: “Marabá, é uma terra que precisa mesmo experimentar o Amor e a misericórdia de Deus. Marabá precisa desse Carisma”.

Marcelo e Vanda: Nós estamos aqui para reparar e para adorar Nosso Senhor, que não é adorado, não é conhecido! Meus queridos, adorem a Jesus Sacramentado, isso faz diferença na nossa missão! Nosso Senhor nos chamou para isso, o Carisma Sacramento de Amor veio para isso, para reparar e estar aos pés Dele. Dalí, nós saímos para a missão transbordando do amor de Deus para o mundo!

Vanda e Marcelo | Consagrados Fraternidade Sacramento de Amor | Missão Marabá

Postagens Relacionadas

TESTEMUNHO HÉCULES

15 de janeiro de 2019

TESTEMUNHO DO HÉRCULES, EX-ACOLHIDO E COMPOSITOR

Meu nome é Hércules, filho de uma mineira e um baiano, que tiveram 3 filhos. Não tenho lembranças de meu pai, pois ele morreu quando eu era ainda muito pequeno. Minha mãe, viúva, criou meus dois irmãos e eu, sozinha. Minha mãe sempre foi e é uma guerreira e batalhadora. Comecei a trabalhar muito cedo

7 de março de 2018

Coração de mãe: “Venci pela fé e pela oração”

Esta edição da série de testemunhos sobre a vitória sobre a drogas será dupla. Isto porque trouxemos o testemunho de uma pessoa muito importante na recuperação de muitos irmãos que passam pelo processo de tratamento da dependência química. Vamos conhecer quem é essa pessoa tão especial? Continue lendo para saber… Conheça o testemunho da Dona