Inicial |

Categoria: Testemunhos

7 de março de 2018

Superação e fé

Meu nome é Osvado Cassimiro, estou na Casa há 8 anos. Há 8 anos estava na rua, sofrendo, mas, graças a Deus, a Obra Sacramento de Amor me acolheu. Esta casa mudou a minha vida! Cada dia muda um pouquinho mais! Fiquei na rua por 15 anos, sofrendo, passando trabalho, sendo humilhado, comendo lixo, mas,…

7 de março de 2018

Deus não atrasa Ele capricha!

Jesus indica o caminho: “Bem-aventurados os puros de coração, porque verão a Deus.” Acredite, há uma saída, nem que seja uma pequena chama no fim do túnel. Não é nenhuma fórmula mágica, não é da noite para o dia. Não é sem esforço pessoal e familiar, mas em Deus e com Deus há um caminho…

7 de março de 2018

Nossa Senhora sempre está conosco!

No livro “As Glórias de Maria”, um dos livros mais bonitos que já li de Nossa Senhora, Santo Afonso diz que Jesus é o Sol, que tem luz própria e dá vida a tudo e Maria é como a Lua, que não tem luz própria, brilha com o brilho do Sol, mas, em nossas “noites…

7 de março de 2018

Quero uma vida nova!

Nossa equipe de Comunicação conversou a Tatiana, acolhida na Casa Santa Isabel há três meses. Tatiana é mãe da Thaemilly, que nasceu no dia 31 de julho desse ano e também está na Casa Santa Isabel, com sua mãe. Meu nome é Tatiana de Oliveira, tenho 30 anos, sou da cidade de Perdigão e estou…

7 de março de 2018

Esta é a experiência que queremos fazer até o fim!

Há algum anos, num certo dia sintonizamos a rádio   da Comunidade Sacramento de Amor e ficamos comovidos    com a beleza e a profundidade dos programas. As orações, as palestras, os testemunhos e as músicas, mexiam com a gente, nos inquietava de uma maneira boa, nos motivava   a buscar algo que não sabíamos o que era. …

23 de fevereiro de 2018

Conheci a minha Salvação!

Eu me chamo Issac Bruno de Faria, tenho 26 anos e tenho uma filha de 7 anos que se chama Giovana. Vim de uma família humilde, porém muito católica. Aos 16 anos conheci “amigos” que me apresentaram ao mundo das drogas. Usei cocaína durante 9 anos e no início eu pensava só em “curtição”, achava…